Apologética

2 de abril de 2012
 

Um Ensaio Crítico sobre os Ídolos da Modernidade (Parte 1)

Mais artigos de »
Escrito por: Fabiano Oliveira
Tags:, ,
marca_dagua_banners

O artigo visa proporcionar uma análise crítica do processo de desenvolvimento histórico-cultural, com foco específico na Modernidade, a partir de um paradigma que transcenda o domínio dos paradigmas filosóficos, históricos e sociológicos vigentes. Dentro de uma perspectiva biblicamente orientada (teorreferente), o artigo pretende discernir esse desenvolvimento históricocultural muito mais à luz de seu estatuto religioso central do que à luz de qualquer outro fator, remontando às suas raízes religiosas e demonstrando a relação de determinação entre o eu fundamentalmente religioso das pessoas que participaram da dinâmica social moderna e os desdobramentos histórico-culturais ocorridos na Modernidade. Isso será feito através de um inventário crítico dos principais ídolos deste período presentes nas obras de alguns dos mais destacados representantes filosóficos da Modernidade.

Download (PDF, 384KB)



Sobre o Autor

Fabiano Oliveira
Fabiano Oliveira
Graduado em Teologia pelo Seminário Unido de Teologia, e em Filosofia pela Universidade de São Paulo - USP. Mestre em Teologia com concentração em Filosofia no Centro de Pós-graduação Andrew Jumper e Mestre em filosofia pela Universidade de São Paulo - USP. Atualmente está cursando seu doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo - USP. É pastor auxiliar da Igreja Presbiteriana Ebenézer de São Paulo desde 2002.



 
 

 
logo-r1

O pequeno segredo sujo dos endossos

Umas duas semanas atrás Carl Trueman postou uma resenha de um novo livro do G. R. Evans. Trueman tinha lido The Roots of the Reformation: Tradition, Emergence and Rupture na esperança de que poderia usá-lo como texto para su...
por Tim Challies
 

 
 
logo-r1

Cristo cumpriu os dez mandamentos

Adão quebrou os dez mandamentos no Éden. Mas Cristo guardou os dez mandamentos no “deserto”, sob circunstâncias muito mais intensas do que aquelas às quais Adão foi submetido. Guardou o primeiro mandamento. Ele trouxe ...
por Mark Jones
 

 
 
marca_dagua_banners_a

Adão quebrou os dez mandamentos no Éden

  Quais mandamentos Adão quebrou no Jardim quando ele e sua esposa comeram da árvore que Deus ordenou não comessem (Gn 2.16-17; 3.6)? Creio que ele quebrou cada um dos dez mandamentos, e não apenas um ou dois mandament...
por Mark Jones
 

 

 
marca_dagua_banners

O céu beijou a terra: a encarnação

O que é a encarnação? É o céu beijando a terra. Como disse o puritano Thomas Goodwin, quando o Filho tornou-se carne, “céu e terra se encontraram e se beijaram, a saber, Deus e o homem”.
por Mark Jones
 

 
 
marca_dagua_banners_la

A Oração do Senhor

Excelente exposição sobre a famosa “Oração do Senhor”.      
por Arthur W. Pink
 

 
 
marca_dagua_banners2

As Responsabilidades do Presbítero

Em textos como Atos 20.28, 1 Pedro 5.1-3 e Hebreus 13.17, fica claro que os presbíteros são (a) pastores do rebanho de Deus. Eles devem cuidar, guiar e alimentar o povo de Deus com a verdade de sua Palavra, assim como bons pa...
por G. I. Williamson